Istambul – Onde ficar e onde fiquei

Quando estava planejando minha ida até a Turquia o quesito hotel em Istambul tomou uma boa parte do meu tempo. As opções de estadia são inúmeras mais de 1000 só no Booking portanto, eu que tenho dificuldade em escolher o que comer se o cardápio do restaurante for vasto, quase pirei de tanto olhar hotéis.

Gosto muito do booking e sites do gênero mas acho que eles tem de melhorar seus filtros para que a experiência do usuário seja mais tranquila em lugares onde existem tantas opções de hospedagem. Além disso acho que deveriam criar uma espécie de whish-list (atualizando: agora já tem!) porque depois de ler sobre tantos hotéis e ver tantas fotos das duas uma: ou você faz uma salada de frutas na cabeça e acaba esquecendo onde viu o que ou montou um arquivo pessoal com tantas informações que fica até difícil de pesquisar.

O que aconteceu comigo foi que depois de tanto pesquisar estava cansada e quase optanto por um hotel cheinho de charme que li em vários blogs de viagem. Foi aí que decidi me organizar mellhor e dar mais uma chance ao booking. Assim, para facilitar, analisei por bairros, escolhi os dois principais, o Sultanahmet e o Taksim, incluí o preço e a estrela desejada como filtros, ordenei pela avaliação dos clientes e analisei as primeiras páginas que apareceram sobre cada bairro. À princípio queria ficar na Taksim e arredores porque uma amiga tinha me dado a dica de que o agito noturno era por alí no entanto não consegui boas opções de hospedagem que se enquadrassem dentro do meu orçamento e acabei encontrando uma joinha em Sultanahmet: o Hotel Sapphire!

Onde Fiquei: O Hotel Sapphire

O Hotel Sapphire é um três estrelas/superior como todo o hotel que se intitula assim no mínimo deveria ser. O atendimento é excelente, o atendente da recepção só falta te pegar no colo de tão simpático e depois de passadas toooooodas as informações é oferecido um pequeno drink, no nosso caso não alcólico, de boas vindas. Acho que eles primam tanto por isso justamente para manter o rating que possuem atualmente em sites como o Booking e o TripAdvisor.

O café da manhã é um desbumde, o melhor de todos que provamos na Turquia. Além de uma variedade de iguarias turcas boas opções na parte internacional do menu.

Cafe da Manha – versão ocidental, café ao invés do Chay

O hall de entrada também muito elegante e os quartos muito charmosinhos bem no estilo exótico que eu estava procurando. Queria um pouco daquela atmosfera exótica portanto descartei os hotéis mais moderninhos.

Uma parte pequena da Recepção

A recepção do hotel nos informou mais de uma vez que os quartos eram muitos pequenos assim mantive minha expectativa tão baixa que confesso que estava esperando um quarto bem menor do que encontrei. Só não entendi porque nos deram um quarto com duas camas de solteiro porém como sabia que um dos quartos da viagem seria assim acabei confundindo e achando que fosse esse mas na verdade não era :-)

O quarto

O Banheiro

Ainda o quarto

Os detalhes…

Depois da reserva realizada fomos informados por email que a sauna e piscina poderiam ser usufruídas mediante pagamento no entanto durante o check-in nos disseram que o nosso acesso era livre. Muito bom uma sauna depois de tantas caminhadas! No entanto o lado ruim foi que acabamos decidindo dispensar o banho turco.

O hotel fica muito bem localizado, a poucos metros da parada do tram (Gulhane) e a pé todos os principais pontos turísticos da cidade. Outro charme é a ruazinha onde ele se encontra que apesar de ser muito turística, já que são inúmeros os hotéis naquele região, concentra restaurantes moderninhos e exóticos com muito charme e principalmente: silêncio. Um oásis de tranquilidade em uma das maiores cidades do mundo!

O hotel e a rua İbni-Kemal

Arredores da İbni-Kemal

Por último fica o preço que foi muito camarada o melhor custo x benefício dessa viagem, paguei 60 euros por noite por um quarto duplo na opção no cancelation do booking.

Depois de perambular bastante achei alguns hotéis próximos também muito interessantes e encontrei inclusive o Hotel Agan, que era o que tinha pesando em ficar inicialmente, praticamente na esquina do Sapphire.

Onde ficar: Sultanahmet (centro histórico) ou Taksim (centro moderno)

Essa acho uma questão importante para quem está decidindo onde ficar em Istambul. Daquilo que vi posso dizer que, como tudo na vida, cada bairo tem suas vantagens e desvantagens. Vou analisar aqui os dois principais o Sultanahmet (centro histórico, nro 2 da imagem abaixo) e Taksim/Istiklal (centro moderno, nro 6), ambos no lado europeu.

Principais Bairros lado Europeu (istanbulextralarge.com/maps-of-istanbul.html)

Uma informação importante é que o deslocamento entre os bairros não é nada tão complicado pois de tram+funicular se vai de um ao outro em aproximadamente 25 minutos. Ah, isso mesmo, funicular, o Taksim/Istiklal fica no topo de uma pequena colina. O que pega aqui é que o transporte público termina à meia-noite e depois disso a única alternativa é o taxi, em torno de 20 liras turcas dependendo do taxista…rs.

Eu recomendaria o transporte público sempre que possível porque o trânsito é chatinho por lá principalmente nos horários de pico. Em relação ao taxi na Turquia acho que o ideal é sempre agendar com hotel ou pedir ao restaurante porque o combinado nunca sai muito caro não é verdade?

Vamos ao pontos:

  • Em Sultanahmet você vai estar muito próximo das atrações turísticas porém mais distante do agito noturno. O bairro tem um bom número de restaurantes mas nada se compara às ruas ao redor da Istiklall Caddessi (Nevizade, etc). Na Nevizade por exemplo existem diversos bares para petiscar (Bares de Mezze/Aperitivo) e ao seu entorno vários lugares de música ao vivo. Resumindo: é agito mesmo, com todos falando ao mesmo tempo, muita gente jovem e bastante barulho. Dependendo de onde seu hotel for localizado é importante ver a questão das janelas anti-ruídos e observar os comentários dos clientes sobre essa questão. Nada pior do que dormir mal em plenas férias;

Taksim/Istiklal

  • Opções de restaurante não faltam em ambos mas como a parte moderna é considerada menos turística que o centro histórico os restaurantes são considerados melhores;
  • É em Sultanahmet que estão quase todas as principais atrações (Palácios, Mesquitas, Bazares e Banhos Turcos) então, para quem tem pouco tempo e provavelmente dias cheios com as noites para descançar do cansaço do dia talvez ficar no bairro seja a melhor pedida;
  • É na Istiklal Caddessi que se concentram também as grandes lojas de marcas européias, americanas e também as principais cadeias de lojas turcas enquanto as lojas em Sultanahmet são mais de souvenirs, artigos típicos e os grandes bazares e mercados;

Sultanahmet

  • O termo centro moderno x centro histórico também é uma questão cheia de estereótipos. Achei a região de Sultanahmet, onde me hospedei, menos caótica e mais limpa que o centro moderno. Do centro moderno esperava ruas largas e bens planejadas com arranha-céus e prédios mais novos mas não foi exatamente isso que vi. A Istiklal é sim uma rua grande e praticamente para pedestres porém os prédios ao seu redor não pareciam tão modernos assim e as ruazinhas ao seu entorno, onde ficam os diversos restaurantes, bares, botecos, kebaberias e afins me pareceram mais um pequeno caos organizado que um centro moderno. É claro que ambos os bairros são enormes e acho que existem partes de Sultanahmet bem mais caóticas do que outras assim como em Taksim partes menos e mais modernas.

Pessoalmente gostei de ter ficado em Sultanahment mesmo tendo ido 3 das 5 noites em que fiquei em Istambul até a Praça Taksim, Istiklal Cadessi e adjacências. Achei que funcionou porque consegui me policiar e voltar mais cedo para o hotel do que voltaria normalmente se meus horários não fossem guiados pelo transporte público. Além disso estando em Sultanahmet tínhamos inclusive a opção de voltar ao hotel caso quiséssemos descançar, se errássemos na roupa ou se batesse a vontade de dar um tibum na piscina. Enfim, não me arrependi da escolha e acho que faria de novo inclusive.

Leia mais:

About these ads

Sobre planejandoaviagem

Uma gaúcha do interior do Rio Grande do Sul, que morou 8 anos em Porto Alegre, 8 anos no Rio de Janeiro e agora se prepara para completar seu primeiro ano em terras européias. No momento morando em Roma, curtindo os dias na terra dos meus bisavós, estudando e viajando bastante.
Esse post foi publicado em Asia, Europa, Istambul, Turquia, Turquia e marcado , , . Guardar link permanente.

16 respostas para Istambul – Onde ficar e onde fiquei

  1. Samara disse:

    Antes de mais nada … parabéns pelo Blog, dicas maravilhosas!!!!
    Estou planejando ir em Novembro, mas não sei se nesta época o clima é bom. Já li que a temperatura é baixa (máx 14, mín 9) e que chove neste período.
    Vc sabe me dizer se é assim mesmo? Vc acha que vale à pena ir nesta época?
    Super obrigada ;)

    Curtir

    • Olá Samara, realmente não é das melhores. Eu se pudesse escolher deixaria para ir na primavera ou mesmo no finalzinho do verão. Sei que o inverno por é bem rigoroso e imagino que se fores mais para o final de novembro estará bem frio. O outono na Europa é uma época chuvosa então a probabilidade de chuva acaba sendo grande. Abraços!

      Curtir

  2. Gilberta disse:

    Nossa, adorei seu resumo explicativo sobre Istambul. Estou viajando semana que vem pra lá e era justamente esta ideia clara e objetiva que eu precisava para escolher meu local de estadia.
    Muitíssimo obrigada!!!!

    Curtir

    • Olá Gilberta, que ótimo ler seu comentário. Tive a mesma dificuldade ao planejar minha viagem e a ideia desse post era justamente essa. Espero que os lugares condizam com a sua expectativa. Uma ótima viagem para você! Abraços!

      Curtir

  3. daniel modernell disse:

    oi gostei de tuas recomendaçoes ficarei nesse hotel em setembro, como e o transporte do aeroporto ate o hotel taxi, custo? obrigado Daniel

    Curtir

  4. Pingback: O Hotel Vila Galé Ópera em Lisboa | planejandoaviagem

  5. Pingback: Istambul – Em Busca do Kebab perfeito e outras comidinhas mais… | planejandoaviagem

  6. Pingback: Blogs, Sites e Afins utilizados para o Planejamento da Viagem pela Turquia | planejandoaviagem

  7. Pingback: Planejamento da Viagem a Turquia | planejandoaviagem

  8. Pingback: A Piccola Série de Posts sobre a Turquia | planejandoaviagem

  9. Pingback: Café da manhã na Itália – A Prima Colazione | planejandoaviagem

  10. Pingback: O Etap do Aeroporto de Marselha | planejandoaviagem

  11. Pingback: Turquia: Custos de uma viagem totalmente desempacotada | planejandoaviagem

  12. Pingback: Onde ficar na Capadócia, Goreme ou Urgup? | planejandoaviagem

  13. Pingback: O Roteiro em Istambul e o Passeio em Kadikoy | planejandoaviagem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s